Esrarecords

EUROPEAN SPEARFISHING RECORDS ASSOCIATION

Red Scorpionfish

Red Scorpionfish
 Haga clic en la lupa para ver el zoom 
Red Scorpionfish
Referencia : 2020.12.05
WORLD RECORD
Scientific name: Scorpaena scrofa
Weight: 3,940kg
Diver: André Pinheiro
Location: Terceira, Azores
Country: Portugal

Saída a 05/12/2020
Logo de manhã, após sair de serviço de 24 horas, ao fazer o caminho para casa; e como sempre a reparar no mar, vejo logo que seria um bom dia para arriscar (mesmo estando o mar com alguma ondulação), - normal nesta altura do ano.
Peguei no telemóvel e liguei de imediato ao meu Skipper, que para espanto meu, estava mesmo disponível e pronto para a aventura. Seguimos em busca da embarcação (BULLET). Ao chegar ao porto, equipei-me, metemos o barco na água e seguimos rumo ao que seria o nosso spot de caça submarina, meti o meu Skipper aos comandos da embarcação, enquanto preparava o material e saltava para a água. Com os dotes do meu Skipper caí logo em cima da baixa que queria com profundidades de 20 a 25 metros e com formações a 14 metros. Ideal para começar a abrir os pulmões.
Ao fim de algum tempo a bater o fundo nesta baixa, já muito conhecida, e, ainda sem peixe, decido pedir ao Skipper para me deixar outra marca já profunda (existente no gps). Mal chego, entro na água e preparo bem as apneias seguintes para profundidades entre os 29-41 metros, sabia que tinha de ter máxima calma e foco na apneia, pois o mar ainda se mostrava forte e com ondulação a uns 2 metros que para meu alívio se encontrava a decair. Fiz cerca de 3 a 4 mergulhos a rondar entre os 33 e 35 metros continuando sem peixe, decido então fazer um “agachon” logo no início da baixa, aos 29 metros. Por sorte minha, entra um belo lírio de aproximadamente 8kg. Disparo e o trouxe para cima! (Sempre começava a alegrar o dia).
Vou ao barco, descansar bem e sigo de novo á mesma baixa. Primeiro mergulho aos 32 metros e para meu espanto apanho o primeiro rocaz (que acusa na balança 2 kg). Chamo o meu Skipper e deixo no barco o primeiro rocaz. Descanso bem e preparo a apneia novamente, desta vez com caída a 38 metros, deparando-me novamente com o que seria a melhor captura do dia e recorde do mundo com 3,940 kg. Tiro na cabeça e subo rumo á superfície. Grito novamente pelo meu Skipper, este salta para o barco e ficamos ali a admirar as capturas continuando assim, o dia da melhor forma com muitas fotos e risadas e demos por finalizada esta magnifica jornada de caça submarina.

André Filipe Pacheco Pinheiro
Angra do Heroísmo, 2 de janeiro de 2021